Wednesday, October 12, 2016

Open Access Journal: Anais de Filosofia Clássica

[First posted in AWOL 8 July 2009. Updated 12 October 2016]

Anais de Filosofia Clássica
ISSN 1982-5323
Page Header Logo
Os Anais de Filosofia Clássica publicam semestralmente textos de filosofia clássica submetidos ao seu conselho editorial internacional e trabalhos selecionados apresentados nos seminários e simpósios do Laboratório OUSIA de Estudos Clássicos da UFRJ e seus parceiros.
Os manuscritos são submetidos à avaliação cega de pares.
Principal via de discussão filosófica e filológica do Laboratório OUSIA junto a centros de pesquisa em filosofia e filologia clássica de universidades em vários países, a revista visa integrar em sua linha editorial os rumos e resultados desta colaboração.

    2015


    Vol 9, No 17 (2015): Aristóteles e Parmênides

    Este número 17, vol. 9, dos Anais de Filosofia Clássica, cuja edição ficou a cargo de Francisco de Moraes (UFRRJ), é dedicado às filosofias de Parmênides e Aristóteles, que em 2016 completaria 2400 anos de idade, e reúne textos que tratam de temas e questões relacionados às decisões de sentido fundadoras da filosofia e de seus desdobramentos históricos. Nele ocupam especial destaque os elos conceituais elaborados por Aristóteles no âmbito da Física, bem como a presença de Parmênides e da tradição pré-socrática na constituição da filosofia, tal como nós a reconhecemos hoje. A edição conta ainda com a tradução do texto correspondente à última lição de um curso ministrado por Eugen Fink, em 1951, sobre a Física de Aristóteles, o qual foi publicado, em 1957, sob o título Zur ontologischen Frühgeschichte von Raum-Zeit-Bewegung.

    A edição deste número dos Anais de Filosofia Clássica contou com o apoio das Agências de Fomento do Governo Brasileiro - CAPES - e do Governo Francês - COFECUB.


    2014

    Vol 8, No 16 (2014): Platão e as formas

    Entre 5 e 8 de maio de 2014, o Laboratório Ousía promoveu o seminário Platão: o diálogo e as formas, contando com a presença de professores brasileiros especialistas no pensamento platônico e do renomado platonista italiano Franco Trabattoni, da Università degli Studi di Milano. O objetivo principal do seminário foi apresentar para os alunos da UFRJ e para o público interessado em geral as pesquisas correntes desses professores, enfocando tanto questões relativas ao conteúdo do pensamento platônico, com ênfase em sua questão central, o problema das formas, quanto aspectos do diálogo como método de pensamento, uma vez que esse figura como veículo privilegiado da filosofia de Platão.
    O presente número da AFC traz artigos de alguns dos participantes desse seminário.  Em “A brincadeira de Eutidemo e Dionisodoro no Eutidemo de Platão”, Paula Lopes (UNIRIO) busca problematizar, através da distinção “falar a sério” e “brincar” presente no diálogo, a relação entre formas do discurso e teoria das formas presente no Eutidemo. Izabela Aquino (UERJ), em “Entre o Parmênides e o Sofista de Platão: há ideia de cabelo? Há ideia da lama?”, pretende apontar, em passagens do Parmênides e do Sofista, para uma saída possível da aporia lançada por Parmênides quanto à teoria das formas no diálogo homônimo. Em “Eros e Thanatos”, Susana de Castro defende a não unidade do pensamento platônico, tomando como objeto de investigação uma comparação dos diálogos Fédon e Fedro no tocante a seus posicionamentos acerca da alma, do amor e da morte. Luísa Buarque (PUC-Rio), em “A parte e o todo: atomismo e linguagem no Sofista”, investiga a crítica ao atomismo passível de ser encontrada nas reflexões sobre a linguagem apresentadas nesse diálogo. “Platão e Heráclito em três diálogos”, de Ana Flaksman (UNIRIO) examina a presença e importância do pensamento heraclítico e de seus desdobramentos no Banquete, no Teeteto e no Sofista. Por fim, mas não menos importante, “Alle origini del ‘platonismo’: che cos’è, propriamente, la teoria delle idee?” é a transcrição de uma das aulas ministradas por Franco Trabattoni (UNIMI) no minicurso que o professor ministrou, homônimo ao seminário: nessa aula, Trabattoni discute vários dos problemas que decorrem da via propositiva platônica, isto é, de sua colocação e defesa de uma teoria das formas.
    Recebemos, finalmente, para a seção de traduções, mais seis diatribes de Epicteto, traduzidas por Aldo Dinucci.
    Carla Francalanci, editora convidada.

    Vol 8, No 15 (2014): Platão, predicação e ontologia

    Este número é dedicado à filosofia de Platão. É uma homenagem dos Anais de Filosofia Clássica à International Plato Society, que promoverá seu XI Simpósio em Brasília, sob a presidência de Gabriele Cornelli, professor da UnB. Temos artigos tratando da Teoria das Ideias sob diferentes ângulos: como o problema da predicação no Crátilo, por José Gabriel Trindade ou no comentário peripatétido do De Ideis por Irley Franco e Renato Brandão. Temos a abordagem da teoria sob os ângulos cosmológicos e ontológicos no Timeu, por Luca Pitteloud e sob a questão do conhecimento, por Francisco de Moraes. E temos uma apropriação na filosofia contemporânea da discussão acerca da condição humana, a partir do Filebo, por Carla Francalanci. Por todas as vias, Platão aparece como um filósofo com quem não se pode abandonar o diálogo, sob pena de perder o eixo que é capaz de articular a diversidade das Filosofias.


    2013

    Vol 7, No 14 (2013): Estoicismo

    O volume 7, número 14, de 2013, que tem, como editores convidados, ALDO DINUCCI e RODRIGO BRITO, traz uma seleção de artigos sobre o tema "Estoicismo". Nesta edição temos artigos de Braicovich, Dinucci, Rodrigo Brito, Valter Duarte e Konstantakos. O número se encerra com três traduções: um preâmbulo ao Manual de Epicteto de Giacomo Leopardi, diatribes de Musônio Rufo e diatribe de Epicteto.

    Vol 7, No 13 (2013): Helenismo

    O volume 7, número 13, de 2013, que tem, como editores convidados, ALDO DINUCCI e RODRIGO BRITO, traz uma seleção de artigos sobre o tema "Helenismo". Nesta edição temos artigos de Bicca e Rodrigo Brito, sobre ceticismo; a participação de Natacha Bustos, que nos escreve sobre estoicismo; e o o texto de Constança, sobre a filosofia grega contemporânea de EVANGHÉLOS MOUTSOPOULOS. Temos ainda os trabalhos de Rineu Quinalia, sobre o élenchos socrático, e de Luciana Gabriela Soares Santoprete, sobre a influência do platonismo nos debates teológicos dos primeiros séculos de nossa era. O número se encerra com duas traduções.


    2012

    Vol 6, No 12 (2012): EMPÉDOCLES II

    Homenagem a Jean Bollack (1923-2012)
    Este volume, números 11 e 12 de 2012, é uma homenagem ao filólogo e filósofo Jean Bollack, mestre da Escola Filológica de Lille, cujos rigor, lucidez e inventividade interpretativa determinaram uma revolução no estudo da filosofia pré-socrática; notadamente da obra de Empédocles.

    Publicamos textos sobre Empédocles, apresentados no seminário Empédocles e o Teatro, realizado na École Normale Supérieure de Paris, em 2011 no âmbito do acordo de cooperação científica Capes/Cofecub : "As Origens da Linguagem Filosófica : estratégias retóricas e poéticas da sabedoria antiga" e outros textos sobre o tema submetidos à revista.

    Vol 6, No 11 (2012): EMPÉDOCLES I

    Homenagem a Jean Bollack (1923-2012)
    Este volume, números 11 e 12 de 2012, é uma homenagem ao filólogo e filósofo Jean Bollack, mestre da Escola Filológica de Lille, cujos rigor, lucidez e inventividade interpretativa determinaram uma revolução no estudo da filosofia pré-socrática; notadamente da obra de Empédocles.
    Publicamos textos sobre Empédocles, apresentados no seminário Empédocles e o Teatro, realizado na École Normale Supérieure de Paris, em 2011 no âmbito do acordo de cooperação científica Capes/Cofecub : "As Origens da Linguagem Filosófica : estratégias retóricas e poéticas da sabedoria antiga" e outros textos sobre o tema submetidos à revista.


    2010


    Vol 4, No 8 (2010): PHYSIS I

    O número 8 apresenta artigos submetidos ao conselho editorial, apresentados ou relacionados aos temas do Terceiro Simpósio Internacional OUSIA de Estudos Clássicos : Physis, o conceito de natureza na antiguidade (UFRJ), e do IV Seminário de Filosofia Antiga (UERJ) realizados no Rio de Janeiro em 2010. Os eventos foram realizados pelos laboratórios OUSIA (filosofia) e PROAERA (letras) da UFRJ e NOESIS da UERJ.


    Vol 4, No 7 (2010): Amizade


    O número 7, focado no tema da Amizade, é uma homenagem ao amigo e colaborador do Laboratório OUSIA Marcos Sinésio Pereira Fernandes, falecido em novembro de 2009.

    Além de um artigo de sua autoria, publicamos o artigo de sua ex-aluna Eraci Gonçalves, sobre seu último curso ministrado na UFRJ, em 2007, com anexo de apontamentos de aula.
    See AWOL's List of

      No comments:

      Post a Comment